Vivemos um cenário de pós pandemia onde o país e o mundo estão tentando se estabilizar e aqui no Brasil começamos a ver uma leve melhora em algumas frentes. A taxa de desemprego do 1° trimestre de 2022 recuou para 10,5%, a projeção de crescimento da economia brasileira aumentou para 1,5% e a confiança do comércio subiu em 2,1 pontos.

Mas ainda vemos uma situação não tão favorável em outras frentes como, alta da inflação acumulada em 12,13% em um ano, a mais alta desde 2003, aumento do trabalho informal e diminuição da renda familiar.

Diante de cenários como estes, muitas pessoas que possuem uma cota de consórcio não sabem mais como fazerem para manterem suas cotas ativas ou não tem mais a intenção de continuar mantendo-as devido outras inúmeras situações como: a escassez de veículos no mercado, aumento de até 20% no valor de um veículo, alto preço do combustível ou para o caso dos imóveis, a alta procura por imóveis e a alta da taxa Selic fizeram os preços dos imóveis disparar e a pandemia fez com que materiais de construção além de ficarem mais caros, também começassem a faltar no mercado, tornando o momento não muito atrativo para a compra de um imóvel.

Então surgem as perguntas: O que fazer com o meu consórcio agora? Posso vender meu consórcio? Como vender meu consórcio?

O que muitas pessoas não sabem é que hoje em dia é possível vender seu consórcio de forma legal e receber um preço justo por ele.

Antigamente o consorciado precisava esperar pelo final do grupo para reaver parte do seu dinheiro investido e esse tempo de espera poderia chegar até 15 anos, dependendo do tipo de cota e duração do grupo, o que fazia com as pessoas que estavam precisando do dinheiro, naquele momento, ficassem de mãos atadas ou terem que recorrer a alternativas informais e pouca seguras para consegui-lo.

Hoje este cenário mudou completamente. Sentindo a dor de mais de 7 milhões de consorciados com cotas inativas no país, começaram a surgir algumas empresas, como a Consorciei, que se especializaram na compra de cotas de consórcio por todo o Brasil.

A intenção com isso é ajudar milhões de pessoas a terem mais liquidez em sua vida e que a cota de consórcio seja transformada em algo de real valor para elas mesmo antes da contemplação ou encerramento do grupo. O consorciado precisa se sentir assistido e saber que pode fazer um consórcio, mas se em algum momento precisar desistir ele terá com quem contar e poderá reaver uma parte do valor investido a preço justo.

Confira o artigo Vale a pena vender meu consórcio para pagar dívidas? e tire suas dúvidas.

E como vender meu consórcio então?

Confira algumas dicas que preparamos para te ajudar nesta jornada.

Escolha uma empresa de confiança checando alguns pontos como:

  • Cheque a reputação da empresa no site Reclame Aqui, olhe a nota e índice de resolução de problemas, quanto mais alto, mais a empresa se preocupa com o atendimento a seus clientes.
  • Acesse as redes sociais e verifique a quanto tempo a empresa interage, se existem postagens recentes, interação com usuários e se os usuários que comentam são reais e não robôs pagos.
  • Confira a pontuação no Google.
  • Verifique se a empresa é filiada à ABAC (Associação Brasileira das Administradoras de Consórcio) como associada especial.

Faça uma checagem completa no site da empresa verificando se a url começa com HTTPS e não somente HTTP, a letra S indica que o site está protegido pelo Certificado Digital SSL e que durante a troca de informações entre o servidor do site e o usuário, os dados estão protegidos contra a interceptação de terceiros.

Acesse o site e leia como é feito o processo de compra, se não tem letras miúdas e se tudo é feito de forma clara e transparente.

Cheque se a empresa é parceira ou recomendada pela administradora do seu consórcio.

E se mesmo assim ainda tiver dúvidas, procure ajuda para saná-las através dos canais de contato das empresas.

O mais importante é você se sentir seguro e amparado na hora de tomar a decisão.

Por exemplo, aqui na Consorciei, você vende sua cota de consórcio de forma 100% digital, fácil e rápido.

Basta preencher o formulário em nossa página, com as informações do seu consórcio que após uma rápida análise te retornamos com uma proposta justa e transparente. Gostando dela, você assina o contrato e recebe o pagamento.

Esperamos que este artigo tenha te ajudado a saber como vender seu consórcio de forma segura e clara.

Conte com a gente!