O que é o crédito com cota de consórcio em garantia?

O empréstimo com cota de consórcio em garantia é uma modalidade de crédito que utiliza cotas ativas ou canceladas como garantia quanto ao pagamento do valor do crédito contratado.

Com quais consórcios é possível ter acesso a essa modalidade?

Um dos destaques do empréstimo com cota de consórcio em garantia é o fato de que qualquer tipo de consórcio pode ser utilizado. Cotas de imóveis, de automóveis (moto, caminhões, carros) ou mesmo de serviços podem ser utilizados como garantia.

No entanto, é importante que a carta de crédito ainda não tenha sido utilizada para aquisição de um bem ou serviço. Dessa forma, são válidas as cotas de consórcios não-contempladas (ativas ou excluídas) ou contempladas, mas cuja carta de crédito ainda não foi usada.

Além do status da cota, algumas outras características do contrato serão avaliadas para verificar se a cota é ou não elegível para ser dada em garantia na operação de crédito tais como o percentual pago e o prazo para encerramento do grupo. Esse processo de avaliação é semelhante ao que a Consorciei já faz para o processo de venda, de modo que seja possível precificar o valor de sua cota.

Quais são os benefícios?

Com o empréstimo com cota de consórcio em garantia o consorciado pode obter liquidez ao longo da jornada do consórcio, especialmente se tiver algum imprevisto. Nessa modalidade, o cliente permanece sendo dono do consórcio.

Sendo assim, o consórcio se transforma em um ativo real e que pode auxiliá-lo nos momentos em que precisar de recursos líquidos.

As taxas de juros mensais variam entre 1% a 3% (sem ser CET), enquanto na modalidade tradicional podem ser mais que o dobro disso.

O que acontece com a cota durante o empréstimo?

Assim que o consorciado decide contratar o empréstimo, a cota oferecida como garantia ficará travada, como se estivesse congelada. Isso significa que o consorciado não poderá realizar nenhuma atividade, como dar um lance, usar a carta de crédito ou vender ou transferir sua cota para outra pessoa. Apesar disso, caso a cota esteja ativa o consorciado continua participando das assembleias mensais.

O que acontece se a cota for contemplada?

No caso de cotas não-contempladas que são oferecidas como garantia, há algumas possibilidades quando elas se tornam contempladas. Primeiramente, vamos considerar o caso de uma cota ativa.

Se ela for contemplada, só será possível usar a carta de crédito quando o empréstimo estiver quitado. Porém, também é possível aguardar 180 dias, usar parte da carta de crédito para quitar o valor do empréstimo e receber o excedente.

Já no caso de uma cota cancelada ou no encerramento do grupo, o valor da carta de crédito é usado para quitar o empréstimo. Se houver excedente, o valor será depositado na conta de titularidade do consorciado indicada por ele.

O que ocorre se não houver o pagamento do empréstimo?

Diante da inadimplência, ocorre o acionamento da garantia. Então, a Consorciei ou algum veículo de investimento parceiro pode se tornar a dona da sua carta de crédito, descontando o valor que ainda falta da dívida e devolvendo o valor restante para você.

Quer saber mais sobre a alternativa ou mesmo contratar o crédito? Entre em contato conosco e fale com um de nossos especialistas!