As assembleias são uma das partes mais importantes do consórcio e fazem parte de todos os grupos, por isso, se você quer ter maior chances de contemplar sua cota de consórcio sem depender apenas da sorte nos sorteios, é importante que você conheça como elas funcionam.

Com isso em mente, veja abaixo os principais detalhes sobre as assembleias de consórcio para você entender tudo sobre elas.

O que é a assembleia do consórcio?

A assembleia é como uma reunião mensal de todos os integrantes do grupo de consórcio, um encontro para que todos os membros saibam como está o andamento do grupo, e para realizar o sorteio e lances para contemplação das cotas do grupo.

As assembleias que acontecem todos os meses são conhecidas como Assembleias Ordinárias. A primeira assembleia deste tipo, ocorre quando a quantidade mínima de pessoas foi atingida para a formação do grupo de consórcio. Neste momento é realizado o primeiro sorteio e os consorciados já podem ofertar lances para tentar contemplar suas cotas.

Existe também um outro tipo de assembleia, conhecidas como Assembleias Extraordinárias, este tipo de assembleia só ocorre quando os integrantes do grupo precisam deliberar a respeito de assuntos que não foram tratados nas assembleias ordinárias.

As assembleias ordinárias costumam ser motivo de ansiedade para os integrantes do grupo, pois seja através do sorteio ou de lances ofertados, é nelas que os novos contemplados de cada mês são anunciados.

Como funcionam as assembleias do grupo?

Com a intenção de que você entenda melhor como funcionam os eventos das assembleias, é importante falar de algumas características desses eventos:

1. Eleição dos representantes do grupo

Na primeira reunião ordinária do grupo, após o fechamento do número mínimo de participantes, acontece a eleição dos fiscais do grupo, que são os responsáveis por representar todos os consociados desse grupo em assuntos diversos junto à administradora.

Esse representante irá acompanhar a gestão dos assuntos administrativos e garantir que tudo esteja regular. Os representantes do grupo têm acesso a todos os documentos da operação do grupo a qualquer momento, eles também podem solicitar dados extras à administradora e representar contra ela caso interesses do grupo precisam ser defendidos.

2. Convocação de assembleias extraordinárias
Como citamos acima, as assembleias extraordinárias servem para tratar de assuntos além daqueles que já são tratados nas assembleias ordinárias. Essas reuniões extra poderão ser convocadas tanto pela administradora, quanto pelos próprios consorciados, desde que a quantidade de interessados seja igual ou superior a 30% dos integrantes ativos do grupo.

3. Votação
Todas as decisões do grupo são tomadas democraticamente, ou seja, para que qualquer mudança ou solicitação seja aprovada, é necessário que mais de 50% do grupo vote a favor.

Cada participante tem direito a um voto por cota, no caso de o participante ter, por exemplo, duas cotas do mesmo grupo, ele poderá votar duas vezes.

4. Contemplação
É nas assembleias que o momento mais esperado por quase todos os consorciados acontece, as contemplações.

A contemplação pode acontecer de duas formas. A primeira é por sorteio, e na maioria das administradoras, o sorteio fica condicionado ao resultado da loteria federal. Outra forma de contemplar a cota é através dos lances, que funcionam como um adiantamento de parcelas a serem pagas ao grupo pelo consorciado.

Vale ressaltar que, só podem ser contempladas, cotas que ativas que estejam adimplentes ou cotas excluídas/canceladas. No caso das cotas excluídas/canceladas, estas participam apenas do sorteio deste tipo de cotas.

Se quiser saber um pouco mais sobre como contemplar uma cota através de lances, você pode acessar esse artigo que explica tudo sobre a contemplação.

Como funcionam os sorteios e lances?

Os sorteios são realizados em cada grupo e dependem diretamente da situação econômica do fundo comum, ou seja, é preciso haver dinheiro suficiente no fundo para que novos consorciados sejam contemplados. É por isso que apenas os consorciados que estão em dia com suas prestações podem participar do sorteio.

OS SORTEIOS
Os sorteios são realizados a partir do número de cotas de cada participante, geralmente seguindo os números da loteria federal. Primeiro é feito o sorteio para clientes ativos e adimplentes, em seguida, o sorteio das cotas excluídas e por último, acontecem as contemplações via lances ofertados por consorciados. Como falamos anteriormente, o número de contemplados depende do saldo do fundo comum do grupo. Vale conferir o seu contrato para entender como funcionam os sorteios especificamente para o seu grupo e administradora de consórcio.

Com os sorteios, cada participante entra em condições iguais aos demais, deixando as chances iguais para todos.

OS LANCES
Existem dois tipos de lances, os lances livres e os lances fixos. Algumas administradoras podem optar por usar os dois modelos ao mesmo tempo.

Nos lances livres, o consorciado tem a liberdade de oferecer o valor que desejar, desde que este respeite o valor mínimo para lances estabelecido pela administradora.

Nos lances fixos, é a administradora quem define o percentual sobre o valor da carta de crédito que deve ser ofertado como regra para participar e apenas os consorciados que tiverem capacidade de fazer essa oferta fixa participam. Como o lance é fixo e todos ofertam o mesmo valor, é realizado um sorteio entre todos os que deram lance para definir quem serão os contemplados.

LANCE EMBUTIDO
O lance embutido é aquele em que o consorciado pode ofertar um percentual da carta de crédito como lance. Este tipo de lance pode ser dado sozinho, ou acompanhado de um valor extra para um lance fixo ou livre.

Uma vez contemplado, este percentual é descontado da carta de crédito. Se o valor da sua carta for de R$100.000,00 e você der um lance embutido de 20%, o crédito que você irá receber será de R$80.000 sem nenhuma alteração no valor da parcela ou prazos.

Existe também a possibilidade de o consorciado que tem como bem desejado um imóvel residencial, usar o saldo do seu FGTS para dar lances nas assembleias.

Pronto, agora você já sabe como funcionam as assembleias dos grupos de consórcio. Comece agora mesmo a se planejar para realizar seus sonhos e atingir seus objetivos e não deixe de compartilhar este artigo em suas redes sociais.